O mais queridinho sistema de gestão da was já está disponível para experimentar agora. Experimente grátis por 7 dias.

Nosso blog

Quais os princípios para criar um website?

Cleison Douglas Macêdo Barbosa 05/07/2020 20:45

Esse artigo foi criado para tirar as principais dúvidas relacionadas à criação de um website e suas variações ao desempenhar diversos papéis no comércio. O principal deles é perceber que nada adianta criar um site, se suas ferramentas não forem corretamente utilizadas. Isso vale para a empresa, funcionário e usuário. É necessário ter uma visão clara que cada um deve desempenhar um papel importante na hora de planejar o uso do website. Dessa forma é preciso entender que uma empresa precisa criar o site de acordo com as necessidades do cliente, mas orientando-o a ir de acordo com as leis nacionais, estaduais e municipais. Isso levando em consideração que é preciso avaliar quais serão os objetivos, que o cliente entende do sistema, leva a sério o seu preenchimento e que irá cumprir com todas as necessidades durante todo o planejamento. 

Não é apenas o planejamento de um website é toda a regra de negócio que se envolve durante sua criação. Um objetivo mais traçado, principalmente na criação de um website e-commerce. Por causa disso, separamos alguns pontos para que você conheça e entenda o quão complexo está a relação do seu cliente e do seu usuário ao longo da criação do website.

Website e-commerce: Esse tipo de software é mais complexo na prática do que efetivamente em sua construção. Para criar o website é necessário ter um cnpj próprio para que possa emitir notas fiscais para seus consumidores. Não apenas isso, se sua empresa está começando agora é importante ter em mente que controlar apenas pelo website tem seus pontos positivos. Primeiro, não terá que controlar seu estoque em dois sistemas, suas contas a receber também ficarão em apenas um sistema. E o mais importante de tudo, todos poderão acessar, responder, automatizar e atender suas necessidades. Entretanto, é necessário que se questione para não ter problemas pós-construção:

  •  Qual será o objetivo do e-commerce? Venda e entrega? Só entrega? Quem vai entregar? Como vai receber? Vai ser online ou offline? Essas perguntas podem ser respondidas ao uso do sistema.
  • Será utilizado algum tipo de integração com os correios? Com seu sistema de gestão? Como funcionará o cadastro do seu cliente? Ele terá acesso à algum painel para acessar suas compras?
  • E as opções de venda? Como você irá lidar com as variações do seu produto? E o site vai ficar em qual hospedagem? Será que está protegido? E atende ao mercado atual? O site está sofrendo com rejeições? 
  • Como funcionará sobre o atendimento? E para o cliente tirar dúvidas? Como você vai fazer as pessoas acreditarem que seu site não é mentiroso? 

Todos esses questionamentos podem ser respondidos por profissionais da área, mas sua grande maioria deverá ser respondida pelo cliente, afinal sempre a parte mais importante é o processo que a empresa exerce na sua criação pois eles vão determinar a forma e como será preenchidos as informações no sistema e como deve trabalhar. 

Website institucional: “O mais simples de todos”, isso é o que todos dizem. Mas se é tão simples, por que nem todos funcionam? Novamente é um pacote, a criação, o planejamento, a execução e sua aplicação.Ou seja, saber como quer apresentar sua empresa, quais ferramentas utilizar e quais caminhos seguir são práticas que melhoram e definem o comportamento do seu site.
  •  Qual é a linguagem textual e figurativa que você irá usar? Como explicar seus serviços? Mais texto, menos texto? Como deve aplicar as imagens? Como colocar os mecanismos de contato? Quais as ferramentas usar?
  • Quais serão os tipos de slider, composição gráfica, atendimento e alinhamento? Quais serão os paineis que irá usar? Quais as ferramentas diferentes que você usa? 
  • Quais as etapas que você deve seguir e como rastrear seu usuário? Como alcançar os melhores mecanismos de pesquisa no google?
Cada descrição e pergunta, faz tirar o sono né? Pois é. Para a equipe de desenvolvimento isso não é diferente. Isso demanda muita experiência, estudo e reuniões.
Por isso, se preocupe com orçamentos, boa apresentação mas entenda realmente as melhores formas que a empresa de software irá sugerir. Não acredite em milagres, sites grátis e outros. Tudo têm seu custo, e os em que de imediato são baratas podem custar muito muito caro.

Ficou com dúvidas? Tire elas. E lembre-se: Estamos aqui para te ajudar! 

Newsletter

Você pode participar do novo. Faça isso.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Leia outros posts